22/09/2017 | litor6br | Sem Comentários



Os moradores de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, poderão andar de ônibus gratuitamente aos domingos e ainda pagarão só R$ 2,10, menos da metade do valor atual da passagem de ônibus dentro da cidade nos outros dias. A domingueira” – como foi intitulada a tarifa na cidade – começa a valer a partir deste fim de semana (24), enquanto que a redução no valor da passagem deve começar no início de 2018.

As iniciativas têm o objetivo de estimular o uso do cartão-transporte por meio de benefícios para o usuário. “Queremos eliminar futuramente o pagamento em dinheiro e, com isso, saber o número real de usuários do sistema e também reduzir custos que podem diminuir o valor da tarifa”, afirma o diretor-presidente da Companhia Municipal de Transporte Coletivo de Araucária (CMTC), Samuel Almeida da Silva.

O primeiro benefício será a gratuidade do transporte aos domingos. Para aproveitar, o beneficiário precisa apresentar o bilhete eletrônico do município no momento em que entrar no ônibus ou terminais da cidade. “A passagem será validada com o cartão, mas o sistema não vai computar o desconto”, explica Silva.

No entanto, esse sistema ainda não está pronto e, por isso, usuários sem o cartão também terão acesso à gratuidade neste domingo (24). Dessa vez, o motorista ou o cobrador farão a liberação manual da catraca, possibilitando o transporte gratuito de usuários que ainda não possuem o bilhete único. Já no dia 1º de outubro, a liberação deve acontecer com o uso do cartão.

O projeto de gratuidade é municipal e abrange 18 linhas urbanas e seis rurais dentro do sistema de Transporte Integrado de Araucária (Triar). Com isso, linhas metropolitanas como Ligeirinho, Portão, Pinheirinho e outras não serão alcançadas por serem gerenciadas pela Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), que coordena o transporte intermunicipal.

“Só será possível chegar a Curitiba sem custo nos casos em que o morador pegar um ônibus do Triar no seu bairro e descer nos terminais da cidade. Mas ele pagará o valor normal de R$ 4,25 para retornar”, explica.

 Passagem mais barata

Além do transporte gratuito aos domingos, Samuel adianta que a população de Araucária terá redução significativa na tarifa de ônibus em breve. De acordo com ele, isso será possível porque o transporte coletivo da cidade é pago por quilômetro rodado e conta com subsídio municipal. “O valor de R$ 4,25 é baseado na região metropolitana, então o usuário urbano acaba pagando uma conta que não é dele”, pontua o diretor da CMTC.

Com isso, a CMTC planeja dividir os terminais da cidade para uso metropolitano e urbano, possibilitando desconto aos usuários que usam ônibus somente dentro da cidade. “Assim, quem utilizar o transporte para ir à Curitiba pagará a diferença para chegar aos R$ 4,25 do valor da passagem na capital”, explica.

Segundo Silva, o projeto já está em andamento e deve reduzir a passagem para R$ 2,10. No entanto, o valor pode sofrer alterações e só será definido após a realização das obras nos dois terminais de Araucária. As mudanças devem começar este ano e a alteração na tarifa, em 2018.

Segundo a Comec, todas as modificações no sistema de transporte urbano de Araucária estão sendo conduzidas pela prefeitura com acompanhamento do órgão para adequada articulação com o sistema metropolitano.

Via: Tribuna do Paraná