05/11/2018 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



A governadora Cida Borghetti cumpriu agenda semana passada em Brasília, onde se encontrou com o presidente Michel Temer e vários ministros.

Um dos compromissos foi com o ministro dos Transportes, Valter Casimiro, para discutir investimentos, obras e para alinhar ações para os próximos meses.

Um dos assuntos debatidos foi a autorização do Ministério dos Transportes para que o Porto de Paranaguá contrate os projetos de mais quatro trincheiras na BR-277, no acesso à cidade.

Por se tratar de rodovia federal, é necessária a anuência da União.

O ministro sinalizou positivamente e solicitou o encaminhamento oficial do pedido.

A estimativa é que os projetos custem cerca de R$ 10 milhões ao todo.

As obras são consideradas essenciais para separar o tráfego rodoviário, formado principalmente por caminhões pesados, do tráfego urbano e eliminar os engarrafamentos diários na entrada da cidade histórica.

O encontro contou com a participação do secretário de Infraestrutura e Logística, Abelardo Lupion, e do diretor-geral do DER, Paulo Tadeu Dziedricki.

PARANAGUÁ – A governadora ressaltou que hoje o governo estadual já investe na revitalização da Avenida Bento Rocha, que dá acesso ao Porto de Paranaguá.

As obras vão da ponte do Rio Emboguaçu até a Avenida Portuária.

O projeto inclui pavimento de concreto, nova sinalização e ciclovia em 2,9 quilômetros de extensão.

O investimento é R$ 15,9 milhões, com recursos da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa).

Além da intervenção na Bento Rocha, também está em construção um viaduto na entrada da cidade, onde a BR-277 se divide entre as avenidas Ayrton Senna e Bento Rocha, para melhorar o fluxo de carros e caminhões.

Nesta estrutura são aplicados R$ 12,7 milhões, também com recursos da Appa.

 

ANP

Marcos Rogério/Litoral Notícias