17/12/2019 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



Grupos de proteção animal estimam que na época de férias aumenta em cerca de 15% o índice de abandono de animais de estimação. É por isso que muitas cidades aderiram ao dezembro verde, uma campanha para que as pessoas tenham responsabilidade na hora de decidir adotar um bichinho, como conta o delegado Mateus Laiola, responsável pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente.

Mas o problema não se resume ao abandono nas ruas, já que nessa época de viagens há pessoas que deixam seus animais de estimação trancados em casa. Segundo o delegado, atitudes como essa são classificadas como crime de maus tratos.

Os animais resgatados ficam em abrigos, até serem adotados. Algumas prefeituras tem um projeto de adoção temporária, como é o caso de Londrina e da capital. A veterinária Vivien Morikawa, da Rede de Proteção Animal de Curitiba, explica porque esse processo é importante para os animais resgatados.

Os projetos de lar temporário em Curitiba e em Londrina contam com auxílio de um banco de ração para apoiar os donos de lares temporários. Os animais são encaminhados já tratados, vacinados e castrados. E algumas vezes, quem acolhe por um tempo acaba se apegando ao bichinho e adota de forma definitiva.

Se você puder ajudar ou quiser adotar um amigo com patinhas, procure a prefeitura ou as ONGs de sua cidade. Já para o caso de você perceber que há um animal abandonado ou sofrendo maus tratos, ligue para o disque denuncia da Secretaria de Segurança Pública, no telefone 181. A ligação é gratuita.

 

AERP

Marcos Rogério/Litoral Notícias