05/12/2017 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA), em parceria com o Instituto Superior do Litoral do Paraná (ISULPAR), realizou na última semana um ensaio fotográfico com os animais da SEMMA.

A parceria foi feita com o intuito de incentivar a adoção consciente e diminuir o número de abandono.

“O projeto “Foca no Focinho” foi criado recentemente pelos alunos do curso de Publicidade e Propaganda – Comunicação Social para que, através da prática, consigamos ajudar na adoção dos animais. Sabemos a importância de uma boa fotografia e do marketing nas redes sociais”, disse o professor de fotografia Rodrigo Félix Leal.

A SEMMA está com cerca de 30 gatos e 20 cães aptos para adoção.

A maioria dos animais foram abandonados na própria secretaria.

Ao serem recolhidos pela equipe, eles recebem atendimento veterinário e logo após são encaminhados para adoção.

Mas, infelizmente, muitos deles não são adotados.

O secretário de Meio Ambiente, Raphael Rolim salienta a importância do projeto, principalmente para os cães e gatos adultos.

“Estamos com muitos animais adultos.

Esperamos que através desse projeto, feito pelos alunos do Isulpar, as pessoas percebam que todos os cães e gatos merecem um lar”.

Raphael Rolim agradeceu a disponibilidade dos alunos e do professor responsável.

“Que esse projeto seja o primeiro de muitos.

Agradeço aos alunos e ao professor pela paciência e atenção dada aos nossos animais.

Também sou professor do curso de Comunicação Social e sei o quanto essa aproximação dos alunos com os animais é importante”, ressaltou o secretário.

As fotos foram feitas no estúdio de fotografia do Isulpar com a ajuda dos alunos e funcionários da SEMMA.

O professor Rodrigo Leal coordenou o ensaio e ficou satisfeito com o resultado.

“Todos ganham. Os animais abandonados, alunos, a cidade como um todo.

A nossa ideia é fazer a diferença para que haja menos animais abandonados”, completou Leal.

 

SECOM/Emanuel Andrade com informações de Maisy Pires

 

Litoral Noticias: Marcos Rogério