19/10/2018 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



A Paranaguá Saneamento tomou conhecimento da decisão judicial de cassar a liminar que suspendia a intervenção na concessionária, anunciada pela Prefeitura de Paranaguá no dia 5 de outubro.

Diante da notícia, com a transferência provisória para o município da responsabilidade financeira e operacional da concessão, a companhia vem a público manifestar sua preocupação com a continuidade da prestação dos serviços públicos de água e esgoto oferecidos à comunidade parnanguara.

Tal notícia coloca em risco não só a atual operação, mas também a segurança jurídica indispensável para futuros investimentos na cidade.

A companhia vem honrando integralmente os termos do recente Aditivo Contratual, celebrado com o município em julho de 2017.

Desde então, os investimentos em esgotamento sanitário avançaram expressivamente e os índices de qualidade do serviço melhoraram substancialmente. Somente em 2018, a companhia planejava concluir o ano tendo investido um total de R$ 47 milhões no município, com a execução do plano de melhoria e ampliação das redes de água e esgoto.

A previsão de investimento até 2022 era de cerca de R$ 120 milhões.

Como decorrência legal da volta da intervenção, o plano de investimentos privados é automaticamente suspenso, ficando a cargo do município realizar imediatamente os investimentos necessários para a continuidade dos serviços de saneamento e o atingimento das metas de universalização previstas no cronograma do referido aditivo, celebrado em julho de 2017.

A companhia, ciente de suas obrigações e deveres para com a sociedade parnanguara, recorrerá da decisão.

 

Paranaguá Saneamento

Marcos Rogério/Litoral Notícias