15/12/2020 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



O DER/PR, Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná, publicou o resultado da análise dos documentos de habilitação das duas empresas que disputam a concessão para explorar a infraestrutura e o transporte aquaviário de veículos e passageiros na travessia da Baía de Guaratuba, serviço conhecido como o ferry-boat de Guaratuba, no Litoral. De acordo com a comissão de licitação do DER/PR, uma das empresas foi considerada não habilitada a prosseguir na disputa por não ter atendido a um item do edital referente à apresentação de uma garantia de proposta no valor de 134 mil reais. O resultado foi publicado pelo Departamento de Estradas de Rodagem na última sexta-feira. A partir da publicação deste resultado, começa um período de cinco dias úteis para interposição de recursos. Caso isso ocorra, a outra participante terá prazo de cinco dias para apresentar contrarrazões. Encerrados estes prazos e o julgamento de quaisquer recursos, será marcada a data para uma segunda sessão em que serão abertas as propostas de preço e feita a devolução para aqueles participantes que tenham sido inabilitadas. As propostas abertas serão analisadas pela comissão de licitação, com publicação do resultado em diário oficial em data futura. O critério para definir a vencedora será a menor tarifa básica apresentada, sendo 9 reais e 15 centavos, o valor máximo a ser proposto. Ao assumir a travessia, a empresa deverá, entre as melhorias, revitalizar todo o pavimento e a sinalização da área concessionada, reformar e adequar os quatro conjuntos de atracadouros e implantar ciclovias de concreto. Ficam isentos do pagamento de tarifa os veículos emplacados e pertencentes a proprietários que residem no município de Guaratuba, para uma viagem de ida e volta, uma vez ao dia. Outras informações no site da Agência de Notícias do Paraná.

 

AEN

Rádio Litoral Sul FM/Litoral Notícias