21/12/2017 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná, DER, está reforçando nesta semana de véspera de Natal a divulgação dos horários de pico nas rodovias, além da travessia do ferryboat entre Matinhos e Guaratuba. De acordo com a concessionária Ecovia, mais de 500 mil veículos devem transitar entre a capital paranaense e o Litoral nos dois feriados de fim de ano. Durante o Natal, o DER alerta que o primeiro horário de pico será nesta sexta-feira, sentido Litoral, entre uma da tarde e sete da noite. Neste sábado, a movimentação ocorre ao longo de quase todo o dia, das 6 da manhã às 5 da tarde. No retorno das praias para Curitiba e cidades do interior do Estado, o maior fluxo deve ser registrado no dia 25, entre 3 da tarde e 8 da noite. Na semana que antecede o Ano-Novo, há previsão de horários de pico todos os dias no sentido praias, especialmente no dia 30 de dezembro, quando o fluxo deve ser acima da média durante as 24 horas do dia. As mesmas condições se aplicam ao retorno para Curitiba, nos dois primeiros dias de 2018. A travessia entre Matinhos e Guaratuba também vai ter operação especial durante os feriados. Entre 6 horas da manhã e meia-noite, as cinco balsas vão estar em funcionamento. Durante a madrugada, o atendimento será operado conforme a demanda, considerando que neste período o fluxo é reduzido. A estimativa é que mais de 80 mil veículos utilizem os serviços entre os dias 23 de dezembro e 1º de janeiro. No Natal, o maior movimento no ferryboat entre Matinhos e Guaratuba é esperado entre uma da tarde e 11 da noite do dia 23 de dezembro; e das 8 da manhã às seis da tarde do dia 24. No Ano-Novo, há previsão de pico na travessia das 10 da manhã às 11 da noite de sexta-feira, dia 29, das 8 da manhã às 11 da noite de sábado, do dia 30; e das 8 da manhã às 10 da noite de domingo, dia 31. Para a volta, no sentido Guaratuba-Matinhos, a projeção de maior fluxo é das 10 da manhã às 11 da noite do dia 1º de janeiro. Mas também há estimativa de pico entre 8 da manhã e seis da tarde do dia 2. (Repórter: Amanda Laynes)

 

 

Fonte: ANP

Inf: Marcos Rogério/Litoral Noticias