20/08/2020 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



O Hospital Regional do Litoral (HRL) está envolvido nas ações do Agosto Dourado, com divulgação e informação sobre a importância do aleitamento materno entre os profissionais que atuam na instituição e gestantes e puérperas acompanhadas e internadas na unidade. A campanha Agosto Dourado celebra e promove mundialmente o aleitamento materno.

O Grupo de Promoção ao Aleitamento Materno do HRL realiza durante todo este mês encontros de orientação junto aos setores que estão diretamente ligados ao atendimento das mães.

“Promovemos encontros breves, seguindo os protocolos de prevenção do coronavírus, com os profissionais que atuam na Maternidade, Centro Obstétrico, Centro Cirúrgico, Pronto Socorro e na ala Covid-19, além dos setores administrativo, de manutenção, limpeza, segurança, copa e cozinha. Estes profissionais têm contato com as mães e podem incentivar o aleitamento; uma palavra de apoio, transmitida de forma segura e correta pode fazer toda a diferença, direcionando as mães para a amamentação”, informou coordenadora do GPAM , Alessandra Luquetta.

Segundo  ela, para cada setor existe um foco diferente nas informações. “Para o grupo que atua nos centros obstétrico e cirúrgico, destacamos a importância do aleitamento na primeira hora de vida; para os profissionais da UTI Neonatal, reforçamos as orientações sobre a coleta do leite materno; o objetivo é conscientizar sobre o papel fundamental dos profissionais no apoio à amamentação”, disse.

O diretor do HRL, Giovani Souza, salientou que o GPAM atua há dez anos na instituição. “É um trabalho que promove a vida e a saúde”, afirmou. O GPAM é composto por equipe multiprofissional com fonoaudióloga, fisioterapeuta, psicólogo, enfermeiro e assistente social.

Além da ação junto aos profissionais, o GPAM também orienta as grávidas e puérperas atendidas no Hospital Regional sobre os benefícios do aleitamento materno. “O leite materno é um alimento natural, ambientalmente seguro e protege o bebê de inúmeras doenças”, ressalta a coordenadora do grupo.

Depoimentos – Mais de 540 profissionais participaram da ação e são disseminadores da importância do aleitamento materno no HRL. “Hoje, vejo a importância de um profissional estar bem orientado. Há 15 anos, quando fui mãe, não recebi este tipo de informação e tive dificuldade para amamentar”, disse a técnica de enfermagem do HRL, Pâmela Matos Martins. “Hoje, como técnica de enfermagem posso contribuir para que outras mães realizem uma amamentação tranquila e prazerosa”, complementou.

A técnica de enfermagem Izabel Cristina dos Santos falou que sente orgulho em apoiar o aleitamento materno. “É a base da vida, é emocionante participar desse momento; ajudar aquela mãe de primeira viagem a interagir com o seu bebê, ou ajudar aquelas que já têm experiência e às vezes não conseguem  amamentar de imediato”, relatou.

 

Secretaria de Estado da Saúde

Rádio Litoral Sul FM/Litoral Notícias