24/03/2020 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



A Prefeitura de Paranaguá liberou um sistema para tirar dúvidas no site do órgão público.

O novo espaço tem notícias e informações atualizadas sobre os decretos lançados pelo Poder Executivo, sobre os cuidados com o coronavírus e sobre os serviços de assistência social, entre outros.

O serviço é resultado do trabalho do departamento da Tecnologia da Informação que, através da sua equipe, disponibilizou novos serviços.

Clicando no banner, o internauta terá acesso a um formulário que poderá preencher com suas dúvidas ou fazer sua inscrição como voluntário no esforço contra o coronavírus em Paranaguá.

A campanha de conscientização do Governo do Estado sobre a doença também pode ser acessada no link “Prevenção” e o usuário ainda entrar em contato com o plantão de fiscalização tributária.

Todas as notícias produzidas pela equipe de jornalistas da Secretaria Municipal de Comunicação também estão disponíveis clicando no banner Coronavírus para facilitar o acesso do internauta somente a este tema.

“Runimos em um só lugar todas as informações para facilitar o acesso da população.”, lembrou Tabajara Machado de Souza Júnior, Administrador de Rede.

Novo decreto
Quanto ao novo decreto- 1922/2020- lançado no último final de semana, vale destacar que ficaram definidos horários para o transporte coletivo municipal em Paranaguá.

Os ônibus podem circular nos horários das 6h às 9h, depois das 11h às 14h e das 17h às 20h e deverão ter sua capacidade de usuários limitados ao número de assentos.

O Terminal Municipal Urbano permanecerá aberto apenas para o embarque e desembarque de passageiros, sendo proibida a permanência de pessoas nas suas dependências. Os serviços públicos ofertados dentro do Terminal estão suspensos.

Todos os mercados municipais também devem permanecer fechados, assim como estabelecimentos comerciais que não prestam atividades essenciais como lojas atacadistas e varejistas, boutiques, materiais de construção, tabacarias, bares, restaurantes, lanchonetes, pizzarias, sorveterias, quiosques, confeitarias, salões de chá e café, casas noturnas, bares, boate e similares, centros culturais e bibliotecas, distribuidora de bebidas, oficinas mecânicas, bancas de jornais e revistas.

No caso de bares, restaurantes, lanchonetes, pizzarias, sorveterias, quiosques, confeitarias, salões de chá e café, e as casas noturnas podem atender via delivery, ou seja, com entrega em casa, respeitando as condições de higiene estabelecidas no artigo 19 do decreto 1917 de 2020.

Também está proibida a venda de qualquer tipo de produto através do comércio ambulante, podendo atender via delivery.

Aberto
De acordo com o artigo 13 do decreto 1922, podem permanecer abertas as atividades de bancos e casas lote?ricas, farma?cias, hipermercados, supermercados e minimercados, padarias, ac?ougues, postos de combusti?vel, loja de produtos animais e agropecua?rios, cli?nicas veterina?rias e hospitais. Mas, nestes casos, os responsáveis devem limitar a quantidade de pessoas, sendo uma pessoa a cada 2m da a?rea comercial do estabelecimento.

Qualquer pessoa que verificar que a lei não está sendo cumprida, pode denunciar ligando para a Guarda Municipal pelo número 153. A fiscalização também será feita pela Polícia Militar e outros órgãos de segurança. “Quem descumprir decretos estaduais e municipais está cometendo crime e este crime está previsto no artigo 268 do Código Penal e pode sofrer sanção que varia de 1 mês a 1 ano de prisão”, disse o delegado da Polícia Civil, Nilson Diniz.

 

SECOM

Marcos Rogério/Litoral Notícias