25/11/2019 | Litoral Sul FM | Sem Comentários



A segunda etapa da campanha contra o sarampo termina no próximo sábado. O objetivo é aumentar a cobertura vacinal na faixa etária de 20 a 29 anos, que apresenta maior número de casos da doença. Uma estimativa do Ministério da Saúde mostra que mais de 780 mil jovens paranaenses possivelmente não estão vacinados contra o sarampo. A vacina contra o sarampo está disponível gratuitamente o ano todo nas unidades básicas de saúde, mas as mobilizações se tornaram necessárias para bloquear o surto da doença, já que muitas pessoas deixaram de tomar a vacina e estão com esquema de imunização incompleto. A primeira etapa de vacinação foi para crianças de seis meses e cinco anos incompletos, que são mais vulneráveis às complicações do sarampo, e agora o alvo é a faixa de 20 a 29 anos. O sarampo é totalmente evitável com duas doses da vacina, que é segura e altamente eficaz. Altas taxas de cobertura vacinal, acima de 95%, são necessárias para garantir que a doença não se espalhe.

 

ANP

Marcos Rogério/Litoral Notícias